segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

Taken


Bryan Mills (Liam Neeson) é um ex-espião, divorciado, que permite que a sua filha Kim vá passar uns dias a Paris com a amiga Amanda. Quando Bryan consegue falar com a sua filha para saber se está tudo bem em Paris, assiste, por telefone, ao rapto da filha. Bryan mexe todos os seus contactos enquanto ex-espião e parte para Paris em busca da sua filha.
Em Taken há muitas cenas violentas, muitos tiros, muita porrada, perseguições, mas há uma história coerente, o que transforma o filme num thriller que os fãs do género devem ver.

Kim, uma jovem com dezassete anos, é o orgulho do pai, o ex-agente secreto Bryan Mills, que se reformou para estar junto da filha na Califórnia, onde esta vive com a mãe e o abastado padrasto. Decidida em fazer uma viagem a Paris na companhia da sua amiga Amanda, Kim convence o pai a assinar a autorização. À chegada, as duas raparigas partilham um táxi com o desconhecido Peter e Amanda revela-lhe que estão sozinhas em Paris. Quando, Bryan telefona para saber como estão as coisas, Kim diz-lhe que foram raptadas por um bando de albaneses dedicado ao tráfico de jovens mulheres. Bryan promete matar os responsáveis e parte imediatamente para Paris na senda dos criminosos para libertar a filha.
Fonte: cinema.sapo.pt
Taken no IMDB.

3 comentários:

Timtim Tim disse...

há quanto tempo não vejo cinema...

Kelle disse...

Timtim Tim, por cá temos apanhado alguns filmes decentes na televisão e aproveitamos para ficar a ver um bocadinho.

Cat disse...

Eu adorei o filme, que personagem, filme que te transmite que tudo se consegue e ninguém o vai impedir:-)