domingo, 10 de janeiro de 2010

O Solista


Steve Lopez, interpretado por Robert Downey Jr, é um jornalista separado que escreve para sobreviver. Tem uma coluna no Los Angeles Time e escreve sobre o que vê pela cidade, o que ele não sabia é que quando vê Nathaniel Ayers (Jamie Foxx), um sem-abrigo que toca violino com uma dedicação incrível, não imaginou que não só escreveria sobre ele, como se tornariam amigos, cada um à sua maneira. Robert Downey Jr está muito bem como sempre e Jamie Foxx faz uma interpretação brilhante de uma personagem tão difícil. A história é boa mas o final surge repentino. Fiquei com a sensação que não devia ter acabado ali, mas gostei!
Quando o jornalista Steve Lopez vê Nathaniel Ayers a tocar de forma tão sentida o seu violino de duas cordas no Skid Row de Los Angeles, fica estupefacto. A princípio, é atraído pela oportunidade de fazer dele o tema de mais uma das suas colunas para o Los Angeles Times, Mas o que descobre sobre o misterioso músico das ruas deixa-o fascinado. Há trinta anos, Ayers tinha sido um promissor aluno de contrabaixo da Juilliard School até que foi vencido por um esgotamento mental. Quando Lopez o encontra, Ayers está sozinho, profundamente perturbado e desconfia de toda a gente, mas ainda é possível vislumbrar nele resquícios desse brilho. Os dois homens aprendem a comunicar através da música. A sua amizade vai passar por momentos dolorosos, pois Lopez imagina-se capaz de convencer Ayers a abandonar as ruas de Los Angeles. Aos momentos de triunfo segue-se sempre uma desilusão, mas nenhum dos dois desiste. E, embora a intenção inicial de Lopez seja salvar Ayers, acaba por constatar que a sua própria vida mudou profundamente.
in cinema.sapo.pt

1 comentário:

Luis Monteiro disse...

Baseado numa história verídica. Ainda não vi, mas já está há muito tempo na lista.