domingo, 6 de janeiro de 2013

Cloud Atlas


"Cloud Atlas" reúne seis histórias diferentes que se passam em épocas completamente distintas mas que apresentam ligações entre si. As histórias são tão diferentes no tempo e no espaço que cada uma, por si só, daria um filme. E  1849 é-nos dado a conhecer Adam Elwing numa viagem pelos mares para negócios nas Ilhas do Pacífico, em 1936 conhecemos Robert Frobisher um jovem compositor com um passado polémico que pretende a sua ascensão através do já muito conhecido compositor Vyvyan Arys, em 1973 conhecemos a jornalista Luisa Rey que se vê metida por acidente numa conspiração, em 2012 o editor Timothy Cavendish enfrenta os problemas que arranjou ao publicar o livro de um gangster, em 2144 em Nova Seul uma clone geneticamente concebida descobre a realidade da sua vida, e, por fim, em 2321 estamos num futuro pós-apocalíptico nas ilhas do Hawaii.
À partida não há qualquer elo de ligação mas é possível encontrar pequenas pistas e indicações muito subtis que as ligam entre si passando a mensagem de que tudo está interligado no tempo e no espaço e cada acto terá consequências no futuro.
O filme tem a duração de quase 3 horas e apesar de, na primeira meia hora se instalar o pânico por não se perceber absolutamente nada da história e sem perceber porque os mesmos actores interpretam diferentes personagens nas diferentes histórias dentro do filme, acabamos por entrar um pouco na história e começar a perceber que afinal havia algumas ligações.
Tom Hanks, Halle Berry, Susan Sarandon, Hugh Grant, Hugo Weaving, Jim Broadbent, Jim Sturgess e Keith David estão entre os nomes mais populares deste filme.
Baseado no best-seller de David Mitchell, nesta história as personagens conhecem-se e voltam a reunir-se de uma vida para a próxima. Nascem e renascem. As ações e escolhas individuais têm consequências e impactos entre si no passado, presente e futuro distante. Uma alma é moldada de assassino a herói, e um simples ato de bondade tem repercussões ao longo de séculos, tornando-se na inspiração de uma revolução.
Fonte: cinema.sapo.pt
Cloud Atlas no IMDB.

1 comentário:

v_crazy_girl disse...

É um filme que quero ver esta semana :D